quinta-feira, 22 de maio de 2008

Momento de Reflexão


O VÔO DA ÁGUIA
Guida Linhares
**
Atravessando o rio da vida,
chega aquele reflexivo momento,
em que se percebe e sente,
que a juventude ficou para trás.
*
Novos sonhares povoam a mente.
A serenidade buscada pela alma,
faz com que se cuide mais
de cada passo da estrada.
*
Não mais amores apressados
e nem aparados ao sabor dos ventos.
Uma calmaria invade o coração
e nela se refugiam as quimeras.
*
Sabe-se que a águia,
num certo momento,
sentindo as forças diminuírem,
voa para o penhasco mais alto,
e lá, num verdadeiro ritual,
onde vontade e sofrimento se juntam,
regenera-se completamente,
para viver por muito mais tempo.
*
Assim somos nós, quando
nossas forças já não são as mesmas.
Nos refugiamos em nosso interior,
fazendo despertar os fantasmas da psique,
que tanto nos amedrontaram,
procurando harmonizá-los,
não mais em combate,
mas em aceitação e perdão.
*
Refazemos nossas asas de sonhos,
e com elas poderemos voar
mais alto ainda.
*
Sonhar, amar, alegrar-se,
em qualquer tempo e idade,
traduz a celebração da vida!
*
Santos/SP - 08/09/07
***

Um comentário:

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá Guida, lindo poema, mas muito racional, certo a vida passa... Os anos também, mas todas as fases da nossa vida, são belas!
Temos que aproveitar a vida como ela é.
Amiga, gostei da visita... Muitos beijinhos de carinho,
Fernandinha