domingo, 27 de abril de 2008

ATEMPORAL

A canção que vem de você...
Guida Linhares

Não te conheço ainda,
siquer sei onde estás agora,
mas sinto que vai chegar a hora,
em que do "nada" tu surgirás...

E quando nossos olhos se encontrarem,
nem serão preciso palavras,
nos reconheceremos como almas gêmeas,
que se buscaram pelos tempos...

Ja te confundi ao longo da vida,
com outros olhos que me fitaram,
mas hoje vejo com clareza e convicção,
que ainda não te conheci...

Sei que existes em algum lugar do planeta,
sei também que a hora há de chegar,
seja daqui, da serra ou do mar,
tu chegarás com um sorriso...

E ouvirei a canção que vem de você..
da melodia que busca incessante
por um amor verdadeiro, sincero e leal,
que em cumplicidade caminhe junto....

E quanto isto acontecer,
nos reconheceremos de imediato,
nem será preciso que nos apresentem,
pois da eternidade somos velhos companheiros.

E no farol da vida em comunhão,
viveremos num paraiso florido perto do mar,
numa morada iluminada pelo amor,
onde juntos colheremos a mais divina flor.
Santos, SP - 10/10/06

4 comentários:

Fatima disse...

Bom dia Guida,
adorei sua visita trazendo novidades poéticas.
Volte sempre ao Gaya, será um prazer recebe-la.
Tudo aqui é muito delicado e poético.
Beijo e que sua semana seja perfeita.
P: Tenho um blog também, deixo o endereço para que me faça uma visitinha.
Fátima Gaya.

Anônimo disse...

Prazer em conhece-la amiga Guida!
O teu blg é muito lindo com belas poeias; eu também gosto de rabiscar palavras em forma de poesias.
Gostei muito do teu comentario no meu Fotolog http://fotolog.terra.com.br/servant_1949:892
Visite também o meu site http://groups.msn.com/caminhoverdadeevida
com certeza irás gostar muito!

Bjos no coração com amor de Jesus e de Maria!

Lumar disse...

Olá Guida,
Seus poemas são lindos!
O prazer é imenso em conhecer
seu mundo encantado de flores, poemas e sonhos...
Obrigada pela visita. Espero
que volte outras vezes.
Um grande abraço.
Lumar

Ana Maria disse...

Cheghei até você através do Zé Carlos.
Adorei o Jardim de Versos e Prosas.
Suas poesias tem muito a ver comigo.
Voltarei mais vezes, se você permitir.
Beijinss carinhosos.