terça-feira, 22 de abril de 2008

MENSAGEM DE PAZ

Que o botão branco da paz desabroche em todos
os quadrantes do Planeta Azul.


INQUIETO CORAÇÃO
Guida Linhares

Uma foto às vezes nos revela
sentimentos presos lá no fundo.
Num olhar nostálgico que desvela,
como é difícil compreender o mundo.

Ainda que o coração sopese a vida,
e nela tantas escolhas e quimeras,
nem sempre sejam a melhor acolhida,
que se fez, ao longo das primaveras.

Mas eis que por vezes o momento
que se atravessa é cheio de espinhos,
a ocuparem todo o nosso pensamento,
e nem sobra tempo para mil carinhos.

São tantas as preocupações da hora,
que o sonho cede lugar à realidade,

onde o limite pra sonhar sem demora,
perde espaço para a dura verdade.

De que há sonhos que irão demorar,
para que se tornem palpáveis e reais.
Nas quimeras talvez queiramos namorar,
contudo não somos mais os mesmos,
deixamos para trás os romantismos e os ais,
vivendo e realizando algumas coisas,
aqui e ali, às vezes com os dois pés no chão.
E deixamos passar o doce momento da emoção.

Santos/SP - 21/03/08

Um comentário:

Sara Guimarães disse...

Esse é simplesmente a profundidade da poesia!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Sensibilidade e fantasia!!!!!!!!!!

Gostei muito!

Bj,
Sara.